sábado, 9 de maio de 2009

Ainda bem que não estamos em guerra

Em 30 minutos, dois assaltantes burlam o esquema de segurança do Setor Militar

Bandidos rendem um general, imobilizam as vítimas e roubam R$ 8 mil do cofre

As saídas do SMU foram bloqueadas em 20 segundos, mas os bandidos escaparam

Eles chegaram vestidos de terno, sob o sol forte das 11h30. Identificaram-se em uma das entradas do Setor Militar Urbano, estacionaram o carro e seguiram a pé em direção ao posto de atendimento do Bradesco. Era o início da mais ousada invasão do Quartel-General do Exército. Ao chegar à agência bancária, sem clientes, um dos bandidos abriu o paletó e mostrou ao gerente que estava armado. O funcionário foi rendido. Instantes depois, os ladrões fizeram o mesmo com um general que entrou no local. A partir desse momento, os assaltantes tiveram tranquilidade para roubar R$ 8 mil de um dos cofres. A dupla precisou de 30 minutos para fugir ilesa de dezenas de militares fortemente armados, 32 câmeras de vídeo e pelo menos 30 homens da Polícia Civil, entre atiradores de elite e negociadores. O crime, considerado uma “ousadia” pelos militares, causou constrangimento na caserna.

3 comentários:

Fernando disse...

Uma ousadia?
Ou simplesmente a mostra de que as forças armadas do país estão sucateadas, desrespeitadas, inúteis e desacreditadas?
Estamos assistindo ao fim das instituições no Brasil, é um salve-se quem puder.

Em um país sério até o ministro da defesa perderia o cargo quando roubaram os fuzis do quartel em Caçapava.
Mas os militares perderam a função e os que estão de pijamas....esses estão contando tempo para desencarnar.

Machete disse...

Fernando mas o que se pode esperar deste exército que só gosta de fazer homenagens ?

O Ursinho Clau Clau, o Zé das Medalhas é um digno representante das "gloriosas forças armadas"

Fernando disse...

Será que é?
Ou diz ser?
Ursinho Clau Clau é ótimo, já vou criar mais um prêmio....depois passa lá para ver...